Desabafo: Além do esporte que não se vê

Minha indignação hoje veio por uma frase que eu ouvi: “não sei pra quê existe esporte, se ele é a razão de brigas e violência na arquibancada e dentro do jogo. Só há pessoas má educadas… não vejo utilidade nenhuma nisso, a não ser na academia que possui importância física”.

Pasmem! Há muitos que ainda pensam assim.

Me deixa triste, bem triste… Muitos jovens e crianças usam o esporte além do seu significado. Há laços de amizade nas arquibancadas e dentro de campo, daquelas que se a pessoa não aparece em um jogo, a outra se preocupa em ligar pra perguntar onde você está.

Ele traça alternativas pros desocupados. Quantas pessoas que vão pra caminhos tão violentos que poderia ser evitado por um esporte?

Esporte é desafio. Sempre tentar dar o seu melhor, ficar melhor e ser o melhor. Quem tem a cabeça no lugar vai longe, claro, lapidando o dom. Mesmo que não tenha um dom pra ser um “Neymar”, tem um dom ao menos pra participar das peladas e completar o time no fim de semana ou ainda de sentar em rodas no bar pra comentar o que passou no fim de semana e brincar com a cara do rival.

A rivalidade existe sim, assim como em qualquer lugar. Há adversários, há jogos quentes, há xingamentos. Mas certeza que nem 3% dos que participam de alguma modalidade, tanto como torcedor ou jogador, precisou chegar às vias de fato.

Ir ao campo é bom que você não repara se tem homem, mulher, criança ou velho ao seu lado. Na hora do gol você grita, abraça e comemora com qualquer um que vê pela frente. Você descarrega aquela pessoa mala do seu trabalho só “elogiando” o juiz, comenta uma jogada com alguém do lado como se fosse um “Caio Ribeiro” das arquibancadas e grita pra um jogador como se fosse o técnico, esquecendo que tem milhares de pessoas ao seu lado que abafam a sua voz.

Mas a mesma voz, quando se junta a várias outras, pode ser ouvida por um técnico que entende o que todos falam. Quando acontece uma briga, a mesma voz grita “ihh.. vacilão” constrangendo o infrator. Ainda a mesma parte das pessoas “má educadas” são capazes de juntar à um catador de latinha que, com o seu trabalho, faz um batuque e  acompanha a todos em um ritmo só.

HandPor causa da torcida ainda há engarrafamentos aguentáveis onde se usa a buzina apenas pra acompanhar a música e a festa.

E pra quem joga? Ninguém aprende nada sozinho… Na vida, damos os primeiros passos com o apoio de alguém ou observando quem está ao nosso lado: direita, depois esquerda, depois direita, depois esquerda… No esporte também não se aprende nada sozinho e dificilmente se ganha sozinho.

É aquela famosa frase: ninguém pode bater escanteio e correr pra cabecear pro gol. Não é qualquer um que consegue fazer gol olímpico. Não tem como levantar uma bola e cortar sozinho. Atacar de segunda é só para magos.

Nem em esportes individuais não se sobrevive sem técnico. O atleta pode observar seus limites e suas falhas, mas apenas um técnico é capaz de observar e orientar além desses detalhes e se ganha em detalhes. Quando você canta, a voz que você ouve não é a mesma que os outros escutam. Ninguém é capaz de ser sozinho aqui.

O ser humano possui seus limites e falta de escrúpulos. Assim como na sociedade com lugares marcados da Europa há pessoas super educadas, há também as que jogam casca de banana para brasileiros em campo.

O esporte explora os limites, mas limites que são sadios explorar.

Não se pode culpar o esporte pela falta de investimento na educação, pela miséria ou por qualquer coisa sem noção que muitos culpam. Eu treinei por muito tempo futebol e depois handebol dependendo das minhas notas na sala de aula e hoje já não posso mais treinar por ter conseguido um bom emprego e estar na graduação. E olha que não fiz apenas o ensino médio em escola pública!

Hoje tenho uma formação – que meus pais não puderam ter – com importante participação do esporte. Será que um impede o outro acontecer?

Será que a falta de escrúpulos é culpa do esporte ou da forma que se conduz o mesmo? O esporte ensina muito à sociedade… pena que acham que os menos de 3% são os que ditam o ritmo.

Anúncios

3 respostas em “Desabafo: Além do esporte que não se vê

  1. Lu, Seu texto como sempre é cheio de vida e sentimento. Concordo com todos os seus argumentos, acho que por eu ser um defensor da ética das virtudes e ver na amizade principalmente, a solução de boa parte dos problemas relacionados a violencia na sociedade. Não sei precisar os dados sobre a origem do esporte nas culturas antigas, mas os gregos que inventaram os jogos olimpicos, praticavam esporte com pelo menos duas finalidades sendo que uma inclui a outra, celebrar e unir. Na Iliada, Homero nos conta dos jogos que os gregos fizeram dando 15 dias de tregua aos troianos para celebrar a memória de Patróclos amigo de Aquiles estes jogos são jogos fúnebres, os jogos istmicos, olimpicos eram jogos que incentivavam o sentimento de concordia entre os gregos que como é sábido se reconheciam em suas diversas cidades como povo heleno, mas não constituia um estado nacional (os estados nacionais surgem por volta do Séc XII D.c). O esporte desde o inicio portanto, tinha como principio congregrar e celebrar entre as pessoas a paz e a memória. Além de ser o lugar onde o modelo de força, inteligenciae liderança são estimulados e exercitados por seus praticantes. Logo, o esporte é fundamental para a educação integral do ser humano, pq nos ensina valores como respeito, justiça, lealdade e companheirismo. O esporte nos ensina a lidar com os limites seja para respeitá-los nas regras seja para superá-los em nós mesmos. É por demais pequeno pensar apenas nos que estragam a festa limitando o pensamento e não conseguindover tantos frutos positivos que o esporte traz e pode trazer para a sociedade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s