Aos galinhos

RESPOSTA A QUEM TANTO NOS AMA!

Complexo de inferioridade, insegurança, vai saber o que é. Mas todos sabem como certos pequenos do futebol mineiro se sentem, e como querem se demonstrar como superior. Sim, nada errado nisto. Antes se sentir como um grande a se sentir como um pequeno, mas quando a ilusão é alta demais, chega virar até chacota.

Digo tal fato, pelo o que vem acontecendo neste blog, aliás, pelo o que vem sido comentado. As “rosanas, galinhas, sem-ter-nada”, vai o que você preferir, vieram com a maior indignação, com criticas e palavras farpas pra cima da gente. Ser o Maior de Minas deve incomodar né? Com diz, o grande jornalista, Juca Kfouri: “Kalil, como é ser o presidente do segundo clube de Minas?”.

Que o Cruzeiro é o maior em Minas, todos estão “careca” de saber. Não em termos só de torcida, título, posições no campeonato, etc. Mas sim, pela tradição que o clube leva. Como diz minha amiga Simone aqui, o que seria de Minas sem o Cruzeiro?

Pra falar a verdade, e me desabafar puramente aqui. Acredito que o Atlético-Mg, é falado até hoje, por ser o primeiro campeão do Campeonato Brasileiro. Só lembram disso… Um exemplo, é quando fui a uma loja em Belo Horizonte, estava escrito: Galo, primeiro campeão Brasileiro. Que pena não poderem escrever “Campeão Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores…”.

E claro, não odeio, aliás, odiar é uma palavra muito forte, mas não gosto do clube Atlético-Mg, não só pelo simples motivo de serem nossos rivais, mas sim pelo o que os torcedores acham que representam, por se acharem o “superior”. Será que é tão difícil descer do salto alto (que na verdade nem existe) e de uma vez por todas mostrar que o azul celeste é quem estampa o céu de Minas todos os dias?

Lembrando também que, não posso negar que nas décadas de 70, 80, o Galo era um grande time. Nos clássicos, nós, cruzeirenses, sofríamos. Mas o Galo não ganhou nada além de campeonatos mineiros, Conmebol. E depois da década de 90 até os dias atuais, o Cruzeiro vem mostrando a sua supremacia, conquistando títulos, chegando á finais de competições importantes, e ficando sempre em boas posições na tabela do campeonato.

E outra coisa engraçada que vi, em um dos comentários dos galináceos, era que, um anônimo dizia que “antes não chegar à final, a chegar e perder”, e não é a primeira vez que ouço, ou leio isso deles. Só pode ser coisa de atleticano, não é mesmo? Como no ano passado, quando perdemos a Libertadores, eles morreram de rir, e falaram isso conosco. Mas acredito que isso só deve ser uma coisa: dor de cotovelo. Por não ter chegado, NUNCA, repito, NUNCA, em uma final de Libertadores, nos seus 102 anos podres de história. Cadê o “maior de Minas” que vocês falam, é isso aí?

Não fiz este texto, para caçar confusão, brigar com tais atleticanos, nada disso. Mas acredito que, se alguém mexe comigo, eu tenho o direito de resposta. E a mesma está aqui. Isso não é uma briga, respeito os TORCEDORES atleticanos, tanto é que, tenho muitos amigos queridos, que torcem para este time. Mas não me venham com esse “salto alto”, se achando os melhores do mundo, por que é só olharem onde ocupam a tabela do campeonato, quantos títulos vocês tem – que, aliás, não ganham nada há quarenta anos, e assumem de uma vez por todas, quem realmente manda em Minas. Admitir isso faria você como um atleticano “desleal”? Não, só sensato.

Roberta

Decidimos dedicar esta página especial às galinhas para que saibam que sua insignificância não merece espaço em nossa página principal. Saibam que antes de ficarem descontroladas neste espaço, ficará em exposição todas as informações de seus comentários (por exemplo o IP), menos o que foi dito no próprio comentário.

ACEITAMOS TORCEDORES ADVERSÁRIOS NOS COMENTÁRIOS, DESDE QUE USEM A INTELIGÊNCIA DIGNA DE SERES HUMANOS PARA ESCREVER.

O galinho que mais gosta de aparecer por aqui:

 

 

 


4 respostas em “Aos galinhos

  1. Pingback: Cadê o Jonathan? « Squadra Azzurra

  2. Pingback: Br’10 – 33ª rodada « Squadra Azzurra

  3. @@@@ Palavras da Luciana Bois , copiadas do ” aos Galinhos ” : ” _ Lembrando também que, não posso negar que nas décadas de 70, 80, 90 , o Galo era um grande time. Nos clássicos, nós, cruzeirenses, sofríamos. ” …………………………………………………………………………………………………………………………………….. nao fica chateada comigo , é que as vezes posso ser malévolo sem querer kkkkkkkk , seja sincera cara raposinha morena , vc nunca encontrou um Atleticano phod@ no debate do bem e legal como eu né kkkkkkkkkkkkkk ….. Mas saiba que a recíproca também é verdadeira … @@@

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s