Aqui é Cruzeiro!

Publicado por em sex, 06/07/2012 em Crônicas, Geral

Design Guilherme Prates

Um tal jornalista veio ao público ontem falar do Cruzeiro com um título de “Perrella deixou o Cruzeiro como terra arrasada”. Dois trechos me trouxeram maior indignação:

“Qualquer movimentação da diretoria na busca de novos rumos termina em fracasso e gozação. O exemplo recente é a contratação de Lorenzetti. Pra mim, uma farsa que tentou desviar as duas grandes contratações do rival: RG-49 e o goleiro Victor, e o sucesso do menino Bernard no último jogo.”

“Celso Roth, sua comissão técnica, a diretoria de futebol, o presidente, todos estão acobertados por um esquema jornalístico sobrevivido às penúrias dos Perrelas.”

Passo longe de ser jornalista, minha coluna aqui é de opinião. Mas muito me estranha o comportamento de certos que se formam para isso e pegam como cargo/função a necessidade de desestabilizar um clube.

Todos sabem que o Perrella não é santo, que arrasou com os cofres do Cruzeiro, mas diferentemente do que esse dito “jornalista” disse, a diretoria busca equilibrar sim as contas do Cruzeiro com um projeto verdadeiro e sobretudo, com inteligência.

Lorenzetti não veio, ok! Mas outros bons jogadores vieram. Alexandre Mattos tenta com inteligência e paciência reestruturar o Cruzeiro e a idade dos novos contratados estão dentro desse projeto do clube, que aliás, começa a valorizar também os meninos da base.

Aliás, Ronaldinho Gaúcho e Victor (10 milhões de reais pro ex-gremista) são “novos”, inclusive. Eu sei que é inevitável, mas – particularmente – eu odeio a comparação do Cruzeiro ao Atlético.

Ou será que vão esquecer-se das dívidas que o galinho já tinha antes do Kalil e voltou com uma mesada de 200 mil reais (com correção de juros passa pra 640 mil reais, confere?) para o Ricardo Guimarães nesse presente mês? Aliás, o “Galo na Veia” apareceu justamente pra tentar abater esse valor, né?

Se quer comparar o galinho com o Cruzeiro, sinceramente, eu te truco.  Que tal olhar para o próprio umbigo antes de tentar falar mal dos outros.

Quem tem esquema de jornalistas em “penúria” aqui?

Por que não fazem o questionamento de onde o time do lado de lá está conseguindo pé de dinheiro? É normal um time sem marketing, que nas últimas pesquisas apresentava entre as 4 maiores dívidas do país contratar um goleiro de 29 anos por 10 milhões de reais e um jogador que tem um salário milionário? De onde vem essa arrecadação? Por que não se faz esse questionamento???

Faz me rir quem diz que é de venda de jogador, já que o próprio Ricardo Guimarães vinha com 15% de direitos sobre o valor da venda. NUNCA comparem as atitudes do Cruzeiro com as do galinho ou como contrapartida. O time do outro lado da lagoa teria que nascer novamente pra ser um argumento de peso contra o meu time.

O Perrella pode ter sim roubado muito do Cruzeiro, se beneficiando e tendo o próprio clube como réu. Nós questionamos a venda do Fred e do Ramires até hoje. Como foi utilizado esse dinheiro? E por que o senador enriqueceu tanto durante a passagem pelo clube? Ainda, infelizmente, temos laços com esse tal BMG para financiar o Cruzeiro. Mas há uma política no clube para não entregar a mãe pra esse banco, enquanto outro clube já vendeu até a alma. E questionam apenas o Cruzeiro?

Há certos “jornalistas” que não merecem respostas, que escrevem mais piadas do que colunas de opinião ou textos jornalísticos. Sinceramente, vai catar coquinho ou aprender a ter uma argumentação melhor.

Agora eu que fiz meu desabafo, senhor “jornalista”.

O Cruzeiro não precisa de circo midiático, um jogador de fama internacional e apoio de entidades maiores para ser grande, temos torcida, história e uma sala de troféus que diz por si só.

E por favor, antes que falem de “aluguel”, lembrem-se da mesada de 640 mil reais. Teremos o Mineirão de volta no ano que vem, já a mesada pro banqueiro será vitalícia.

Anúncios

Para não dar bom dia a cavalo

Design Guilherme Prates

Com gestos e palavras, muitos essa semana esperam dar “bom dia ao cavalo”.

Mas uma pessoa corre desse quadrúpede e vem fazendo um bom trabalho: Alexandre Mattos.

O trabalho que ele vem desenvolvendo no Cruzeiro é de se admirar: não vem aparecendo na mídia, buscando muito a melhora do Cruzeiro, dando atenção à base, enxergando as deficiências do time, sem fazer todo o escarcéu que seus antecessores faziam e deixando a conversa apenas nos bastidores.

Todas as entrevistas do Alexandre são sensatas: não comenta o que tentou e fracassou, não diz “quem” deseja e nem cita “quem” pode sair. Se respeitarmos e se ele mantiver a postura que vem tendo, o Cruzeiro voltará a aparecer entre os grandes candidato em muitos campeonatos e apagará a má impressão que deixou na temporada passada.

Especula-se que o Mattos trará bons jogadores em certas posições, mas ninguém ainda soube dizer em público quem seriam. Apesar de a curiosidade atiçar a todos, isso é bom para o torcedor, além do que não possibilita que a imprensa crie uma “novela”.

pausapraconversa.blogspot.com

Muitas negociações são interferidas e conversas são prolongadas devido a esse fator. Quantos outros times gostariam de saber que esse ou aquele jogador está aberto para negociações?

Alguns torcedores sabem o que vem acontecendo, mas, pelo que percebo, todos estão respeitando o pedido do Alexandre Mattos. “Pena” que o papel do jornalista é futricar, descobrir, informar e muitos acabam dando como notícia a “possível” negociação, o que a pessoa tal “pensou” em fazer e tal. Caso você deseja saber alguma coisa, se apegue aos fatos: se concretizou, se desistiu, se emprestou… Pois pode acabar pensando que foi iludido ao final.

Essa tem que ser uma relação de confiança entre time e torcida, porque imprensa tem um trabalho muitas vezes cruel aos nossos olhos e o papel dela é noticiar, mesmo que não seja necessariamente “notícia”.

Eu não importo pra quem dá “furos”, essa briguinha por holofotes só dão preguiça pra quem não trabalha com jornalismo, porque creio que em meio a alguns deles isso seja a maior marca de notoriedade de seu trabalho. Não pela qualidade.

Principalmente uma imprensa que é “trollada” pelo nosso companheiro bloguerreiro Cruzeiro News ao vivo de maneira risória. Por que dar bola para eles?

Alex Silva e Sousa vieram sem nenhuma especulação ou novela anterior e foram, ao menos no papel, bons reforços. O Alexandre vem trabalhando (com qualidade) com o pedido de sigilo absoluto, temos que confiar e respeitar. Pelo bem do nosso time.

Aliás, mineiro bom é o que sabe comer quieto.

Sigam a bloguerreira no twitter: @LucianaBois